한국어 English 日本語 中文简体 Deutsch Español हिन्दी Tiếng Việt Русский LoginCadastre-se

Login

Bem-vindo(a)!

Obrigado por visitar a página web da Igreja de Deus Sociedade Missionária Mundial.

Você pode fazer login para acessar a área exclusiva para os membros da página web.
Login
Usuário
Senha

Esqueceu-se da Senha? / Cadastre-se

Na Coreia

A Santa Convocação da Festa das Trombetas e A Santa Convocação do dia da Expiação 2014

  • Nação | Coreia
  • Data | Setembro 24, 2014
A Santa Convocação da Festa das Trombetas Preparando o Azeite da Fé , Tocando as Trombetas do Arrependimento

A Festa das Trombetas

As sete festas de três tempos se originaram das obras de Moisés. Os israelitas, que saíram do Egito depois de guardar a Páscoa, cruzaram o mar Vermelho e chegaram ao deserto. Sendo chamado por Deus, Moisés subiu ao monte Sinai para receber os dez mandamentos e ficou diante de Deus, jejuando quarenta dias. Como Moisés demorava em descer do monte, o povo cometeu um pecado ao fazer um ídolo de um bezerro de ouro, o adorando. Então Moisés jogou as tábuas de suas mãos, e as quebrou ao pé do monte, e cerca de três mil homens morreram.

Depois disso, os israelitas tiraram os seus atavios e se arrependeram de seus pecados. Então Deus chamou Moisés de novo ao monte Sinai e concedeu os dez mandamentos pela segunda vez. O dia em que Moisés recebeu os dez mandamentos pela segunda vez e desceu do monte, é o Dia da Expiação (o décimo dia do sétimo mês segundo o calendário sagrado). O povo de Israel preparou o Dia da Expiação desde dez dias antes (o primeiro dia do sétimo mês segundo o calendário sagrado) ao tocar as trombetas para instar o arrependimento. Esta é a origem da Festa das Trombetas (Êx. 32-34, Lv. 23:23-25).


A Festa dos Tabernáculos, que ocupa o terceiro tempo entre as festas de três tempos, inicia com a Festa das Trombetas. No dia 24 de setembro (o primeiro dia do sétimo mês segundo o calendário sagrado), a Santa Convocação da Festa das Trombetas 2014 no ano do jubileu foi celebrada em mais de 2.500 Igrejas de Deus em 175 países, incluindo o Templo da Nova Jerusalém em Bundang, Coreia.

Saudando as festas do outono para colher bons frutos do evangelho, a Mãe deu graças ao Pai por permitir aos filhos celebrar a Festa das Trombetas para que preparassem o Dia da Expiação com um coração sagrado, e orou fervorosamente para que todos os filhos verdadeiramente confessassem e se arrependessem de seus pecados cometidos no céu e na terra. A Mãe pediu que todos os filhos preparassem azeite suficiente tocando as trombetas de arrependimento em todo o mundo com um só coração, para que pudessem ir ao reino dos céus com uma fé irrepreensível.

ⓒ 2014 WATV
O Pastor Geral Kim Joo-cheol enfatizou que a primeira coisa que os crentes devem fazer é arrepender-se de seus pecados, citando a história na qual os filhos de Israel que tinham pecado puderam receber os dez mandamentos de novo mediante o arrependimento. A importância do arrependimento é mencionada com frequência em toda a Bíblia, além dos dias de êxodo. Jesus pregou o evangelho do reino, gritando: “Arrependei-vos!” E assim fizeram os apóstolos que receberam o Espírito Santo no Dia de Pentecostes e o apóstolo Paulo que se dedicou ao evangelho.

ⓒ 2014 WATV
O Pastor Geral Kim Joo-cheol instou os membros a arrependerem-se, dizendo: “Deus não quer que ninguém pereça. Ele nos deu a nossa vida como uma oportunidade de arrepender-nos. Quando confessarmos do fundo do nosso coração os nossos pecados, incluindo as coisas triviais, e comovermos a Deus, poderemos ser completamente perdoados dos nossos pecados”. Adicionando que o verdadeiro arrependimento consiste em seguir o exemplo de Cristo, encorajou os membros a reproduzir a obra da igreja primitiva que guiou até três mil pessoas ao arrependimento em um só dia. Isto foi possível porque pregaram o evangelho diligentemente, seguindo o exemplo de Jesus que se dedicou a salvar almas (Mt. 4:17, At. 2:37-41, At. 17:30-31, Ez. 33:17-19, 2Pe. 3:8-9, Pv. 29:1).

Durante dez dias até o Dia da Expiação, os membros assistiram aos cultos da semana de oração, de madrugada e de noite, para confessar todos os seus pecados e transgressões do passado.

A Santa Convocação do dia da Expiação A Graça da Expiação Concedida Através do Sacrifício de Deus

O Dia da Expiação

O Dia da Expiação foi o dia em que Moisés desceu do monte Sinai, recebendo os dez mandamentos pela segunda vez. Na época do Antigo Testamento, quando o povo cometia um pecado, traziam um cordeiro ou uma cabra para o holocausto e seus pecados eram guardados no santuário durante um ano.

Uma vez por ano, o sumo sacerdote entrava no Santo dos Santos para a expiação dos israelitas. Tomava dois bodes e lançava sortes sobre eles, um para Deus e outro para o bode emissário, Azazel, que representa Satanás o diabo. Então punha ambas as mãos sobre a cabeça do bode emissário, e confessava sobre ele todas as iniquidades dos filhos de Israel que haviam sido guardadas no santuário durante um ano. Finalmente, o bode era enviado à terra solitária e morria ali no deserto.

Isto mostrava profeticamente que Jesus Cristo, que é o Cordeiro, chega a ser o sacrifício para a expiação, e que Deus leva todos os nossos pecados como a realidade do santuário até entregá-los a Satanás o diabo, a fonte dos pecados, no Dia da Expiação (Lv. 16, Jo. 1:29, Jr. 17:13).


ⓒ 2014 WATV
Como os filhos de Israel que confessavam os seus pecados com lágrimas em jejum e jogavam pó em suas cabeças, os membros ofereceram orações de arrependimento com todo o coração, confessando seus pecados, de madrugada e de noite, durante dez dias. No dia 3 de outubro (o décimo dia do sétimo mês segundo o calendário sagrado), os membros se reuniram com reverência na Santa Convocação do Dia da Expiação.

A Mãe que ofereceu a ansiosa oração pelo perdão dos pecados e a salvação dos filhos celestiais durante toda a semana de oração, orou para que todas as orações de arrependimentos dos filhos oferecidas pelos dez dias subissem aos céus e tivessem a graça da expiação. Também orou para que os pecados de todos os filhos fossem entregues a Satanás que está contra Deus e impede o evangelho, e que a sua autoridade fosse destruída igual aos pecados dos israelitas que foram entregues ao bode emissário. A Mãe desejou sinceramente que seus filhos que foram perdoados e limpos, fizessem todos os esforços possíveis para salvar almas com amor.

O Pastor Geral Kim Joo-cheol deu sermão sobre a origem do Dia da Expiação e seu cumprimento, dizendo: “Os nossos pecados não podem ser eliminados de forma gratuita, mas sim pelo sacrifício de Deus que sofreu no nosso lugar. Gravemos a expiação de Deus pelos nossos pecados em nossa mente e nunca mais imputemos os nossos pecados a Deus”. E adicionou: “Assim como Deus perdoou os nossos pecados, perdoemos erros dos nossos irmãos e irmãs para que se aperfeiçoe o amor de Deus em nós. Nos tempos do Antigo Testamento, a proclamação do ano do jubileu se cumpriu no Dia da Expiação. Os israelitas que haviam sido escravos foram libertados e recuperaram as possessões de seus pais, e os que haviam vivido em terra estrangeira voltaram a sua pátria. Lembrando o significado do Dia da Expiação no ano do jubileu, façamos voltar do pecado muitas almas que estão vivendo como escravos da morte” (Is. 53:1-12, Ef. 1:7, Ef. 4:29-32, 2Co. 2:5-11, Mt. 6:12).

Depois do culto, a Mãe consolou os filhos que oraram sinceramente durante dez dias, dizendo: “Por favor, compreendam o sacrifício do Pai que percorreu o caminho do sofrimento pelos pecadores, e nunca mais pequem. E cumpram a missão do evangelho de fazer voltarem-se do pecado muitas almas”. Diante das palavras da Mãe, todos os membros responderam “amém”, e se prepararam para a Festa dos Tabernáculos que se aproxima, dando graças a Deus por perdoar os seus pecados mediante seu sofrimento.
Vídeo de Apresentação da Igreja
CLOSE
Jornal
CNTS(로메 국립혈액센터)에서 헌혈운동을 시행한 하나님의 교회
Internet
Igreja de Deus Sociedade Missionária Mundial realizou evento de doação de sangue em comemoração à Páscoa
​TV​
Jovens voluntários se reuniram, e olha só que bacana, eles doaram lanches para profissionais da saúde que estão na linha de frente no Hospital Regional de Taguatinga.